Crivella pede empréstimo ao Santander, o povo sai prejudicado

A Câmara trabalhou, na véspera do feriado, até tarde da noite, para aprovar, em regime de urgência, autorização para Crivella tomar um empréstimo de R$ 300 milhões junto ao Santander

0
6

Na véspera do longo feriado de 15 a 20 de novembro, a Câmara trabalhou até tarde da noite, para aprovar, em regime de urgência, um Projeto do Executivo, autorizando a gestão de Crivella a tomar um empréstimo, também urgente, de R$ 300 milhões junto ao Banco Santander. Tanta pressa parece estranha.

Os vereadores votaram um empréstimo de 300 milhões de reais – aumentando a preocupante dívida da cidade – sem ter e debater informações essenciais, como a razão da escolha do Banco Santander, se houve concorrência ou ao menos tomada de propostas de diferentes instituições financeiras, como será feito o pagamento, prazos, taxa de juros, cláusulas do contrato, garantias oferecidas pela Prefeitura etc. Não fomos informados nem sobre os reais motivos para a tomada do empréstimo. Votamos no escuro, sem qualquer debate.

“A Prefeitura faz cortes no orçamento de pastas importantíssimas para cuidar dos mais vulneráveis e mais pobres, como a Saúde e a Assistência Social”

Isso é preocupante. O governo estadual já cometeu a irresponsabilidade de levantar empréstimos à custa da antecipação dos royalties do petróleo, e vimos no que deu. Não quero que o município vá para o mesmo abismo.

Agora, o momento é de ficar de olho na votação do Orçamento para 2019, que acontecerá no início de dezembro, ainda sem data definida. É hora de saber quem está do lado da população e do servidor. Quem tiver compromisso com as pessoas não pode aprovar um Orçamento que corta R$ 725 milhões da Saúde, R$ 103 milhões da Assistência Social e R$ 72 milhões da Habitação. Só na Saúde serão extintos mais de 1.300 postos de trabalho, quase 200 equipes de saúde da família.

Nessa votação, a verdade baterá à nossa porta e saberemos quem defende o servidor e os serviços essenciais a que o povo carioca tem direito e a que a Prefeitura tem a obrigação de oferecer.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.