Moradia e defesa do Horto

A questão da moradia, que é uma das principais pautas do nosso mandato, foi tratada no Conselho Popular que se reuniu na Arquidiocese do Rio de Janeiro

0
14
P

A questão da moradia, que é uma das principais pautas do nosso mandato, foi tratada no Conselho Popular que se reuniu na última segunda-feira, 25/09, na Arquidiocese do Rio de Janeiro, na Glória.

Reimont abordou a situação das comunidades formadas pelas populações originais do Horto, que têm sofrido ataques constantes da especulação imobiliária. Essas populações foram instaladas no Horto desde os anos de 1800, sempre por interesse do poder público, que considerava o local pobre e pouco valorizado. Hoje, esse mesmo Estado quer remover as comunidades pobres, em benefício dos grandes negócios.

Conheça o nosso PL 161/2009: “Área de Especial Interesse Social”, que defende as comunidades pobres do Horto (http://bit.ly/hortorio).

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui