Não às demissões na Casa da Moeda

Manifestação de repúdio à demissão em massa na Casa da Moeda. Trabalhadoras e trabalhadores foram comunicados por telegrama.

0
16

O nosso mandato repudia a atitude da atual gestão Casa da Moeda do Brasil, que, por telegrama, demitiu 212 funcionários lotados no Rio. A dispensa é mais um passo para o desmonte da empresa e a sua privatização, como é desejo do (des)governo do usurpador l Temer.

Estamos solidários aos trabalhadores e trabalhadoras da Casa da Moeda e nos colocamos à disposição deles e do Sindicato Nacional dos Moedeiros (SNM), na luta para reverter o projeto de demissão em massa.

Fundada em 8 de março de 1694, a empresa era a única responsável pela produção do dinheiro brasileiro, tanto em papel como em moeda. Mas, desde fevereiro de 2017, uma Lei de Temer autoriza o Banco Central a comprar o dinheiro, no exterior e sem licitação.

A Casa da Moeda é mais um exemplo do desmonte do estado promovido pelo Golpe de 2016. A restituição da Democracia é a única maneira de reverter essa tragédia brasileira.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui