Novas denúncias agravam situação da Globo

Propinas seriam de 50 milhões de reais

0
27

Propinas seriam de 50 milhões de reais

Caso sejam comprovadas, as novas denúncias do empresário Alejandro Buzarco, ex-presidente da empresa Torneos Y Competencias, deixam a Globo em gravíssima situação. Segundo ele, a emissora pagou propinas não só para comprar os direitos de transmissão das Copas Libertadores e Sulamericana, mas também para garantir a exclusividade das Copas do Mundo 2026 e 2030.

A fraude teria custado US$ 15 milhões, equivalente a R$ 50 milhões, em propinas depositadas em uma conta no banco suíço Julius Baer, em nome do dirigente da Fifa Julio Grondona, já falecido, que cuidava dos direitos de transmissão para a América Latina. Segundo Buzarco, a Torneos y Competencias foi orientada pela Globo a criar uma subsidiária na Holanda, que funciona como paraíso fiscal para multinacionais, para receber a propina e, depois, repassá-la para o banco Julius Baer.

As negociações teriam sido comandadas por Marcelo Campos Pinto, responsável pela aquisição dos eventos esportivos da Rede Globo nas últimas décadas; ele tinha procuração da família Marinho, dona da emissora. A procuração é de 12 de março de 2013, mesmo mês em que a Globo, a Televisa e a Torneos concordaram em pagar os US$ 15 milhões pelos direitos de transmissão dos Mundiais.

Com base no depoimento de Buzarco, que é rico em detalhes e em documentos probatórios, será possível rastrear todo o percurso do dinheiro – da Globo, na Holanda, para a Torneos y Competencias, também na Holanda, e depois para a conta de Grondona, na Suíça.

Alejandro Buzarco é um dos 42 acusados do Fifa-Gate. Ele foi interrogado esta semana pelo procurador Sam Nitze, como testemunha do governo dos EUA no julgamento do ex-presidente da Conmebol, Juan Ángel Napout, do ex-presidente da CBF, José Maria Marín, e do ex-presidente do futebol peruano, Manuel Burga.

Fontes:

Reportagem do site Brasil 247 – https://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/327511/Em-novo-depoimento-delator-complica-Globo-e-cita-propinas-nas-Copas.htm
Reportagem do The New York Times – https://www.nytimes.com/reuters/2017/11/15/sports/soccer/15reuters-soccer-fifa.html
Reportagem de Luiz Carlos Azenha e Tony Chastinet, da Record TV – http://esportes.r7.com/futebol/ex-executivo-tinha-procuracao-da-globo-para-negociar-com-cbf-e-fifa-15112017

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.