Resultado da Audiência Pública sobre a Praça São Salvador

Um grupo de trabalho tripartite, formado por membros da Prefeitura, da Câmara Municipal e dos segmentos diretamente relacionados à questão, será formado para debater e buscar soluções para a crise

0
18

Um grupo de trabalho tripartite, formado por membros da Prefeitura, da Câmara Municipal e dos segmentos diretamente relacionados à questão, será formado para debater e buscar soluções para a crise que, desde o início da atual gestão, vem se intensificando na Praça São Salvador.

Este foi um dos principais resultados da Audiência Pública promovida pela Comissão de Cultura, que, na última segunda (15) reuniu representantes de órgãos públicos – como Secretarias de Cultura, de Ordem Pública e de Desenvolvimento, Emprego e Inovação, Guarda Municipal e Superintendência da Zona Sul – e de moradores, comerciantes do entorno da praça e coletivos que usam o local em atividades artísticas, culturais, políticas e comerciais, incluindo ambulantes e expositores da feira dominical.

O GT atende a uma reivindicação da sociedade civil, que levantou os seguintes problemas principais da praça:

  • deterioração do espaço físico, incluindo o parquinho, o coreto e a mureta, além do próprio piso, e a falta de latas de lixo;
  • importância dos grupos artísticos, culturais e políticos para a ocupação positiva e revitalização do local;
  • tentativa de criminalização das atividades artísticas e políticas, com emprego da Guarda Municipal para reprimir as atividades;
  • retirada arbitrária dos ambulantes;
  • barulho excessivo após as 22:00;
  • recolhimento de lixo, pela Comlurb, durante a madrugada, causando muito ruído;
  • crescimento desordenado da feira.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui