É preciso cuidar do Brasil

No dia 21/11, promovemos uma roda de conversa sobre as conclusões do Sínodo para a Amazônia, evento realizado no Vaticano, sob a liderança do Papa Francisco, com o objetivo de debater a grave e urgente crise socioambiental na região

0
16

No dia 21/11, promovemos uma roda de conversa sobre as conclusões do Sínodo para a Amazônia, evento realizado no Vaticano, sob a liderança do Papa Francisco, com o objetivo de debater a grave e urgente crise socioambiental na região. Tivemos a alegria de contar com as participações de Dom Cláudio Hummes, Arcebispo Emérito de São Paulo e relator-geral do Sínodo, da antropóloga Moema Miranda, auditora do Sínodo, e de mais de 350 pessoas unidas pelo compromisso de cuidar do planeta Terra, essa nossa Casa Comum.

O encontro aconteceu no momento em que o Brasil bate tristes recordes, reconhecidos até pelo governo federal – o Ministério do Meio Ambiente anunciou que o desmatamento na Amazônia brasileira, de agosto de 2018 a julho de 2019, consumiu 9.762 km², um aumento de 29,5% em relação ao período anterior, os ataques de garimpeiros a territórios indígenas aumentaram 44%.

Para piorar, o governo liberou o cultivo da cana-de-açúcar na Amazônia e no Pantanal, o que vai aumentar o desmatamento e comprometer a qualidade do meio ambiente em todo o Brasil, com reflexos em vários países.

Enquanto isso, no mar, a imensa mancha de óleo se aproxima do Rio de Janeiro. Balanço do Ibama divulgado na última segunda-feira (18) mostra que 651 locais, em 116 municípios, já foram afetados, nos nove Estados do Nordeste e no Espírito Santo. 

Mais do que nunca, é preciso cuidar do Brasil.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.