Expulsão de Ceciliano e oposição a Crivella

Em duas notas ao Partido dos Trabalhadores, Reimont defende a expulsão de André Ceciliano e a declaração formal de oposição ao governo Crivella.

0
66

Na última semana, Reimont lançou duas notas em repúdio ao comportamento do deputado estadual André Ceciliano, que, eleito pelo PT, tem tomado decisões absolutamente contrárias às orientações e aos compromissos do partido. Ceciliano – que ocupa a presidência em exercício da ALERJ desde o afastamento de Jorge Picciani – vem apoiando a agenda neoliberal do governo Pezão; colocou em pauta e votou a favor do aumento da contribuição previdenciária dos servidores, de 11% para 14%, e da privatização da Cedae.

Reimont saudou a decisão da Executiva Estadual – de punir o deputado com suspensão dos direitos partidários e sindicância na comissão de ética do partido, visando a expulsão – e lembrou que o Diretório Municipal deve aproveitar o momento para manifestar, publicamente, a oposição ao governo de Marcelo Crivella.

“Nesses cinco meses, e mesmo com uma flagrante inaptidão para o exercício da gestão pública, Crivella já deu amplas demonstrações de que alinha-se ao conservadorismo neoliberal. (…) o Partido dos Trabalhadores deve se opor de maneira clara, incisiva e pública. A decisão da Executiva em relação a André Ceciliano é um importante passo na recuperação das bases ideológicas do PT. Esperamos e confiamos que haverá outros mais, com a oposição ao governo de Crivella” – enfatiza a nota do dia 24/05.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui