Lula inocente

Expressamos irrestritas solidariedade e confiança no presidente Lula, condenado em uma decisão nitidamente política.

0
18

Expressamos irrestritas solidariedade e confiança no presidente Lula, condenado em uma decisão nitidamente política. Apesar de gastar 60 páginas para se autodefender e garantir que não persegue Lula, o juiz paranaense de primeira instância comete os mais flagrantes abusos – usa como provas documentais meras notícias da golpista Globo; confessa que não teve tempo para ler os documentos juntados pela defesa (!); não prova os crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, e, em um lance de puro marketing, determina que o presidente não poderá assumir qualquer cargo público por 7 anos! É só espetáculo, pois não cabe a juízes de primeira instância suspender direitos políticos de quem quer que seja. Esse é um efeito automático das condenações definitivas, quando não há mais possibilidade de recursos; e Lula tem.

A sentença é tão frágil, que 60 juristas irão analisá-la em um livro, para demonstrar como NÃO fazer uma peça condenatória. Mas teve o efeito político desejado – reacendeu o ódio, desmobilizou o debate sobre a reforma antitrabalhista neoliberal e abafou o noticiário sobre o processo investigação contra o usurpador. Os golpistas comemoraram.

Nós, resistiremos. Mais do que nunca, vamos levar o debate para as ruas, combatendo as reformas ultrajantes e a perseguição jurídico-midiática a Lula, Dilma e o PT, em defesa do Estado Democrático de Direito e da soberania popular.

NO DIA 25/05, TEMOS UM ENCONTRO. VAMOS PARA A CINELÂNDIA, A PARTIR DAS 16:00, EM DEFESA DE LULA E CONTRA AS REFORMAS.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui