“Ponte para o futuro” conduz ao retrocesso

A ponte para o futuro anunciada por Temer é, na verdade, o caminho para a volta de um país perdido no desemprego, na miséria, na violência, na falta de esperança.

0
63

O Brasil entrou em 2018 com uma inacreditável população de 26,4 milhões de desempregados e trabalhadores subutilizados, segundo o IBGE. O grupo inclui 4,3 milhões de brasileiras e brasileiros que perderam qualquer esperança e preferiram parar de procurar emprego.

Esses números provam que falta verdade quando o governo de Temer afirma que a economia foi recuperada e está a pleno vapor. Balela! A situação está péssima e o Brasil do golpe não consegue gerar empregos formais na quantidade necessária e de qualidade, não consegue gerar desenvolvimento e bem estar.

Mulheres, negros e jovens são os mais prejudicados. Dos trabalhadores subutilizados, 54,2% são mulheres, 55,8% são pretos e pardos e 26,5% têm entre 18 e 24 anos.

Diz o professor José Eustáquio Diniz Alves, da Escola Nacional de Ciências Estatísticas – ENCE/IBGE: “Sem trabalho, o Brasil não tem futuro. Nunca houve tantas pessoas em idade de trabalhar no país. Mas o desperdício do potencial de 26,4 milhões de trabalhadores é o mesmo que jogar fora nossa janela de oportunidade e manter a população na armadilha da renda média.”

Tudo comprova que o Brasil caiu nesta armadilha preparada pelo golpe. A ponte para o futuro anunciada por Temer e amigos é, na verdade, o caminho para a volta de um país perdido no desemprego, na miséria, na violência, na falta de esperança. Contra isso, precisamos resistir e lutar, cada dia mais juntos.

#Reimont

Ilustração: cartunista Márcio Baraldi, para o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.