#SOSBrasil

Reimont analisa os 365 dias do Golpe contra a Democracia e os retrocessos impostos pelo governo usurpador de Temer.

0
13

Passado um ano do golpe, é preciso pensar sobre o que mudou no Brasil desde então. Infelizmente, esse golpe pode ser resumido em uma só palavra – PERDA.

Perdemos em todos os segmentos. O retrocesso vai desde a cassação dos votos de 2014 até o desmonte do projeto de Nação.

O espaço é curto para listar todos os cortes, mas vamos citar alguns – congelamento dos investimentos por 20 anos; terceirização e fim dos direitos trabalhistas; corte dos programas sociais (Bolsa Família, Mais Médicos, Farmácia Popular, SUS, Minha Casa Minha Vida, entre outros); corte nos programas de educação (Prouni, Fies, Ciência sem Fronteiras, Brasil Alfabetizado, entre outros); desmonte da indústria nacional; ataques aos meio ambiente; privatização de empresas estratégicas a preço de banana; desmonte do combate ao trabalho escravo. Enquanto isso, o rombo nas contas do país chega perto de 45 bilhões de reais, a corrupção toma conta da República.

Dilma Rousseff foi deposta em um ato que consolidou o golpe iniciado ainda no seu primeiro governo e agravado após a sua reeleição. A nossa presidenta legítima sofreu uma das mais ofensivas campanhas contra uma mulher; sofreu processos judiciais. Mas hoje, ela já tem cinco sentenças judiciais favoráveis, que destroem os argumentos forjados para o golpe. Se você não sabe, é porque a imprensa partidarizada esconde essas notícias.

Em uma Democracia séria, haveria a anulação do processo de impeachment. No Brasil atual, é preciso luta. #ResistirSempre

Reimont

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui