Repasse para a saúde

Reimont sugeriu à Câmara que, neste ano, a sobra do Fundo Municipal do Legislativo seja destinada ao pagamento dos salários atrasados dos profissionais da Saúde

0
18

Na sessão plenária de 07/10, Reimont sugeriu ao presidente da Câmara que, neste ano, a sobra do Fundo Municipal do Legislativo seja destinada ao pagamento dos salários atrasados dos profissionais da Saúde, com o objetivo de diminuir os problemas no setor. Há alguns anos, esta sobra é devolvida e voltada para a construção de novas Clínicas da Família.

O parlamentar acredita que a crise municipal da Saúde é produzida intencionalmente, visando a afetar o SUS, em prejuízo da população e em benefício dos planos de saúde.

Até setembro de 2017, a sobra foi de R$ 52,6 milhões

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui