2020 é ano de lutarmos pelo SUS

0
10

2020 começa nos chamando à resistência, as frentes de luta são muitas. Uma delas, sem dúvida, é a defesa do SUS, que vem sendo precarizado desde o golpe de 2015-2016.

O governo Bolsonaro ameaça fixar as verbas do SUS com base no número de pessoas cadastradas, por município, no sistema; quase a totalidade beneficiária de atendimento médico.

Isso será um golpe gravíssimo contra a saúde pública, porque o SUS vai muito além do atendimento médico. Inclui pesquisas e tratamentos médicos de alta complexidade e controle de doenças (zika, dengue, Aids, doenças tropicais, câncer, transplante de órgãos), vacinação, combate a epidemias e endemias, vigilância sanitária… Em resumo, tudo o que afeta ou pode afetar a saúde do povo brasileiro.

Todos nós dependemos do SUS, com ou sem cadastro, e precisamos protegê-lo.

Comentários

comente

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor entre digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.